5 de abr de 2011

Na prateleira de baixo

Hoje foi o dia de fazer as carteiras de estudante la na escola e tava a maior bagunça de alunos em frente ao grémio,muita gente pra fazer e poucos para nos atender,perdemos 2 horários de química (ate achei legal mais com certeza para minhas notas não foi.Aquele prof de química é um chato parece um lerdo com aquele microfone e ainda faz piadas sem graça que ninguém entende) mais ficamos la em baixo ate fazer-mos nossas carteirinhas. Como estava demorando muito e as fichas que nós pegamos eram tipo passando do cem resolvemos ir á biblioteca fica lá em quanto nossa vez chegava então fikei olhando os livros para ver qual eu alugaria depois de entregar o Símbolo Perdido que acabara de ler,depois de procurar muito tempo,encontrei por acaso um livro que me trouxe de volta na mesma hora a minha infância,não sei mais me deu uma vontade enorme de devora aquele livro no mesmo instante seu nome era A História Sem Fim. Fikei triste quando perguntei se minhas colegas conheciam e elas alaram que não poxa a história sem fim é praticamente um clássico eu era muito pequena quando passava o filme e achava simplesmente o máximo *--*,é maravilhosa a história mesmo eu me lembrando muito pouco dela.Depois do almoço fui então a biblioteca e aluguei o livro tô no capitulo 2 e estou amando.

       "Fantasia é a história sem fim escrita num livro de capa cor-de-cobre que estava no sótão de um colégio.Agora,ele está na sua mão"

Nenhum comentário:

Postar um comentário