20 de abr de 2013

#

Quisera eu tentar
Poder fazer-te sonhar
Começando pelo amar
Que nos faz feliz ao acordar

Mas se você partir?
Quem vai poder fazer-te sorrir?
Não seria o cúmulo do existir viver eu sem ti?

A minha falta passaria,
eu jamais te sorriria,
teus olhos que antes eu via 
só cada vez mais me transtornaria

Os cacos do meu velho coração
Se transformariam em imensidão
E os meus sonetos então
Estariam todos rasgados em seu porão

Acorde e veja, pois não 
Isso é só mais um bordão
Poesia boba e sem noção 
Eu ainda tenho o seu coração!
 W.S

Nenhum comentário:

Postar um comentário